04 abril 2016

Aprendendo a Dizer NÃÃO!

(Imagens do Tumblr)

    Olá pessoal! “Tudo posso, mas nem tudo me convém”, com certeza você já ouviu essa frase pelo menos uma vez na vida. Atualmente muitos adolescentes e jovens têm uma doença crônica que apenas com tratamento severo é capaz de “cura-la”.  Essa doença não tem um nome definidos, porque muitos não acreditam nessa terrível realidade, porém eu posso dizer mais ou menos quais são os sintomas, e se você tiver, por favor, corra com os tratamentos, pois a sociedade agradece (risos J).
    A doença é definida pelo medo do adolescente/jovem em dizer NÃO aos amigos quando acham que serão caçoados por não seguir o grupo. Você deve estar rindo agora, ou pelo menos achando divertido o início da postagem, porém o assunto é sério e deve ser lido com bastante atenção. Desde o início da adolescência temos o “dever” de ser aceitos em um grupo de amigos, ou outros grupos específicos, por isso acabamos cometendo erros irreversíveis que podem prejudicar a nós mesmos e até as pessoas ao nosso redor.
     Muitas vezes achamos que fazer a vontade de todos ou até mesmo seguir aquela modinha que todos seguem é a melhor forma de mostrar que estamos por dentro das novidades, ou pior que somos iguais a todos. Mas minha linda e amada amiga, você não precisa ser igual a todos, para ser aceita, quem realmente ama você morreu numa cruz, pois sabia que você realmente valia apena.
     E fique sabendo que independente do seu jeito esquisito ou ULTRA divertido, sempre existirá uma pessoa que se identificará contigo, mesmo que você diga “NÃO!”. Já parou pra pensar, que existem pessoas que gostam de quem tem personalidade própria? Não estou dizendo que aqueles que “seguem as modinhas” ou que “fazem tudo o que os outros querem” não tenham personalidade, porém eles querem tanto agradar a todos que acabam esquecendo quem realmente são. Dizer NÃO, não quer dizer que você seja careta, mas sim que você sabe o que realmente quer.
    Hoje te desafio a dizer NÃO quando necessário, a recursar convites e tomar as decisões corretas quando o certo não é seguir a multidão. O desafio não é fácil, mas Deus estará ao seu lado e sei que quando Ele está contigo tudo é possível. Um grande beijo e até o próximo post. Antes de terminar o post, eu vim avisar, que estou em um grande e longo processo de tratamento e por isso é bem complicado estar sempre aqui com vocês, mas eu já expliquei tudo isso no post “ESTOU DEVOLTA GALERA”, então continue nos acompanhando e só pra avisar teremos bastantes postagens daqui pra frente. Até breve!

Com carinho, Evellyn!